“Álcool potencializa a violência”, comenta especialista sobre brigas nos estádios

Compartilhe
Compartilhe
Share On Google Plus
Compartilhe
Contate-nos

“Álcool potencializa a violência”, comenta especialista sobre brigas nos estádios

Até o momento, a venda de bebidas alcoólicas é proibida nos estádios do Ceará (FOTO: Divulgação)

O projeto de lei que tem o objetivo de liberar a venda de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol no Ceará avançou na Assembleia Legislativa. Entretanto, a medida ainda precisa ser aprovada em outras quatro comissões.

O Ministério Público estado já anunciou que deve entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade na Procuradoria Geral da República caso a venda de bebidas alcoólicas seja liberada.

Maurício Murad, professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro e especialista no tema violência nos estádios, não concorda com a aprovação da medida. Para ele, já está comprovado o aumento no índice de violência.

“Sou a favor das pesquisas que eu tenho realizado há quase trinta anos, que indicam que o álcool potencializa a violência. Todas as pesquisas médicas são uniformes no seguinte ponto: o etanol presente no álcool inibe a autocrítica, reduz a censura e, por isso, torna as pessoas mais desinibidas para ultrapassarem limites e até mesmo chegar à agressividade e à violência”, conta.

Quando questionado sobre a responsabilidade dos clubes nos casos de violência, o professor enfatiza que eles são fundamentais no combate a esses tipos de ações. “Os clubes têm uma responsabilidade imensa, uma responsabilidade, inclusive, prevista em lei.  No sentido de exigir uma contrapartida das torcidas que usam os seus símbolos e sua história e suas bandeiras. A imensa maioria de dirigentes de clubes no Brasil não exige”.

Apesar das críticas, o especialista prefere não culpar todos. “É claro que eu não estou generalizando. Existe um movimento grande de alguns novos diretores que trabalham nesse sentido de evitar a violência e de exigir das torcidas essa contrapartida. Mas a imensa maioria no Brasil não faz isso porque há uma cumplicidade entre presidentes e esses grupos violentos infiltrados nas organizadas”, declara.

Confira a entrevista do especialista à Tribuna Bandnews:



Relembre o caso:

A comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou por 4 votos a 3 o projeto de lei que libera a venda de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol do Ceará. A proposta ainda precisa passar por outras comissões da casa antes de ser levada a plenário. A venda de bebida em estádios cearenses é proibida desde 2011, atendendo ao Estatuto do Torcedor.

A proposta é do deputado Gony Arruda e tem como relator o deputado Evandro Leitão. Defensores da proposta afirmam que a liberação deve impulsionar a economia. Quem é contra alega que a violência nas praças esportivas deve aumentar.

Tribuna Bandnews FM

Deixe um comentário