Com falta de quórum, presidente da CPI do Condepe estuda trocar integrantes

Com falta de quórum, presidente da CPI do Condepe estuda trocar integrantes

Pela segunda vez, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a Operação Ethos e o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), na Assembleia Legislativa de São Paulo, não teve reunião hoje (29) por falta de quórum. Apenas quatro dos sete membros compareceram, quantidade insuficiente para que os trabalhos ocorressem.

Com a ausência dos deputadpos, o presidente da CPI, o deputado estadual Coronel Telhada (PSDB), estuda trocar os membros que compõem a comissão. Na convocação de hoje, compareceram os deputados Doutor Ulysses (do PV e vice-presidente da CPI), João Paulo Rillo (PT – suplente na CPI) e Ed Thomas (PSB). Na semana passada, a reunião tmabém não ocorreu por causa do baixo quórum.

 “Acho [a ausência dos deputados] complicada porque acho um descaso com a vida dos funcionários públicos. Pessoas reclamam em plenário, mas na hora de investigar e ver o que está acontecendo, ninguém aparece. Ninguém assume essa responsabilidade. Vou tentar a substituição de algum deputado porque estou vendo que não estão querendo participar, mas não sei qual o motivo. Vou tentar trazer outros deputados que queiram participar. A substituição é possível”, disse Telhada.

À Agência Brasil, o deputado disse não acreditar em tentativa de obstrução da CPI pelos deputados. 

A assessoria do deputado Cezinha de Madureira (DEM) informou, por telefone, que o deputado estava em compromisso externo hoje, mas que deve participar da próxima reunião, agendada para a tarde do dia 6 de dezembro.

Em resposta à reportagem, a assessoria de imprensa do Coronel Camilo (PSD) informou que o acerto era para que as reuniões da CPI ocorressem pela manhã. “Houve mudança no horário de hoje para a parte da tarde e ele já tinha um compromisso assumido anteriormente. O Coronel Camilo tem o maior interesse em participar desta CPI, uma vez que é autor de Projeto de Lei Complementar 21/2016, que prevê modificações na forma de escolha do Ouvidor da Polícia, atualmente eleito também pelo Condepe”, diz a nota enviada pela assessoria.

Já a assessoria do deputado Milton Vieira (PRB) disse que ele pretende renunciar de sua função como membro da CPI.

Condepe

Em nota enviada à reportagem este mês, o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe) disse ter receio que a CPI tenha o objetivo de cercear sua atuação.

Operação Ethos

A Operação Ethos foi deflagrada no dia 22 de novembro do ano passado e identificou 54 pessoas, entre membros do PCC (que já estavam cumprindo pena) e advogados que atuavam em colaboração com o crime organizado. Um dos presos na operação foi o ex-vice-presidente do Condepe, Luiz Carlos dos Santos, acusado de receber uma mesada, no valor de cerca de R$ 5 mil, para “plantar” denúncias de violação de direitos humanos com o intuito de gerar desestabilização na segurança do estado de São Paulo. Segundo a investigação, ele teria recebido cerca de R$ 130 mil.

Pela segunda vez, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a Operação Ethos e o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), na Assembleia Legislativa de São Paulo, não teve reunião hoje (29) por falta de quórum. Apenas quatro dos sete membros compareceram, quantidade insuficiente para que os trabalhos ocorressem.

Com a ausência dos deputadpos, o presidente da CPI, o deputado estadual Coronel Telhada (PSDB), estuda trocar os membros que compõem a comissão. Na convocação de hoje, compareceram os deputados Doutor Ulysses (do PV e vice-presidente da CPI), João Paulo Rillo (PT – suplente na CPI) e Ed Thomas (PSB). Na semana passada, a reunião tmabém não ocorreu por causa do baixo quórum.

 “Acho [a ausência dos deputados] complicada porque acho um descaso com a vida dos funcionários públicos. Pessoas reclamam em plenário, mas na hora de investigar e ver o que está acontecendo, ninguém aparece. Ninguém assume essa responsabilidade. Vou tentar a substituição de algum deputado porque estou vendo que não estão querendo participar, mas não sei qual o motivo. Vou tentar trazer outros deputados que queiram participar. A substituição é possível”, disse Telhada.

À Agência Brasil, o deputado disse não acreditar em tentativa de obstrução da CPI pelos deputados. 

A assessoria do deputado Cezinha de Madureira (DEM) informou, por telefone, que o deputado estava em compromisso externo hoje, mas que deve participar da próxima reunião, agendada para a tarde do dia 6 de dezembro.

Em resposta à reportagem, a assessoria de imprensa do Coronel Camilo (PSD) informou que o acerto era para que as reuniões da CPI ocorressem pela manhã. “Houve mudança no horário de hoje para a parte da tarde e ele já tinha um compromisso assumido anteriormente. O Coronel Camilo tem o maior interesse em participar desta CPI, uma vez que é autor de Projeto de Lei Complementar 21/2016, que prevê modificações na forma de escolha do Ouvidor da Polícia, atualmente eleito também pelo Condepe”, diz a nota enviada pela assessoria.

Já a assessoria do deputado Milton Vieira (PRB) disse que ele pretende renunciar de sua função como membro da CPI.

Condepe

Em nota enviada à reportagem este mês, o Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe) disse ter receio que a CPI tenha o objetivo de cercear sua atuação.

Operação Ethos

A Operação Ethos foi deflagrada no dia 22 de novembro do ano passado e identificou 54 pessoas, entre membros do PCC (que já estavam cumprindo pena) e advogados que atuavam em colaboração com o crime organizado. Um dos presos na operação foi o ex-vice-presidente do Condepe, Luiz Carlos dos Santos, acusado de receber uma mesada, no valor de cerca de R$ 5 mil, para “plantar” denúncias de violação de direitos humanos com o intuito de gerar desestabilização na segurança do estado de São Paulo. Segundo a investigação, ele teria recebido cerca de R$ 130 mil.

http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2017-11/sem-quorum-pela-2a-vez-presidente-da-cpi-do-condepe-estuda-trocar

<

p class=”wpematico_credit”>Powered by WPeMatico

Deixe um comentário