The Walkmen vai pedir remoção de vídeo de MBL que usa música da banda sem autorização

The Walkmen vai pedir remoção de vídeo de MBL que usa música da banda sem autorização

Direito autoral

Banda estadunidense recebeu notificação de fãs brasileiros e disse que movimento não pediu permissão para uso da trilha

Redação |
Banda The Walkmen, que canta a música The Rat, utilizada em vídeo do MBL sem permissão
Andrew Palermo/Divulgação

A banda de indie rock estadunidense The Walkmen vai pedir que o Movimento Brasil Livre (MBL) remova um vídeo em que usa uma música sem o consentimento do grupo.

Eles receberam alertas de fãs brasileiros e responderam as mensagens no Facebook dizendo que o movimento de extrema direita não pediu permissão para usar a trilha sonora:  “Nós acabamos de ser alertados e vamos remover o vídeo. Ninguém nunca entrou em contato conosco sobre o uso da música e não temos nenhuma afiliação com este grupo”.

No vídeo-propaganda, o MBL usa a música The Rat e ainda credita a banda nos agradecimentos finais da produção. A produção incita o ódio e a perseguição a grupos de esquerda.

Dória também fez uso indevido de obra

Nesta semana, outro caso envolvendo uso de uma música sem licença em um vídeo de uma figura política foi divulgado na internet. Na quarta-feira (29), os cantores Arnaldo Antunes e Marisa Monte publicaram uma nota em que protestam contra o uso indevido de uma de suas canções, sem o pagamento de direitos autorais, em vídeo postado pelo prefeito de São Paulo (SP), João Doria (PSDB).

A administração tucana utilizou a música Ainda Bem em um vídeo divulgava a inauguração de um campo de futebol no parque Ibirapuera.

Os artistas notificaram o prefeito sobre o uso irregular da obra e solicitaram a retirada do conteúdo. “Queremos deixar claro que a nossa motivação jamais foi financeira, e sim educativa”, afirmaram na nota.

O tucano removeu o vídeo nas redes sociais após o caso ser divulgado na internet e afirmou que a música estava em execução no ambiente e que “apenas vazou” para o vídeo.

Você pode ler a íntegra da nota dos cantores aqui.

1 de dezembro de 20177:03 PM

{time}

Powered by WPeMatico

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Hits: 0

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário