Cantor Chris Brown é duramente criticado por comprar macaco para filha

Ele publicou um vídeo em seu Instagram da menina interagindo com o macaco, que estava envolvido com um cobertor.

21/12/2017 às 16:00
Por Laura Cruz, ANDA

O cantor americano Chris Brown recentemente comprou um macaco para ser criado como um animal doméstico por sua filha Royalty.

Ele publicou um vídeo em seu Instagram da menina interagindo com o macaco, que estava envolvido com um cobertor.

Na filmagem, é possível ouvir Brown conversando com a filha. Ele pergunta “Royal, este é seu bebê? É este o seu bebê?”.

Royalty tira o cobertor para pegar o macaco no colo e é possível ver que ele também está usando uma fralda.

A publicação recebeu quase quatro milhões de vizualizações e muitas críticas de usuários.

Um deles comentou: “Este é um animal selvagem que requer cuidados muito especiais, isto tão cruel”.

Outro escreveu: “Por favor, leve este macaco de volta à natureza! As necessidades desse animal não podem ser supridas em cativeiro!”.

Tim Phillips, vice-presidente da Animal Defenders International (ADI) afirmou que criar um macaco como animal doméstico pode ter efeitos extremamente negativos nele, tanto física como psicologicamente.

“Isto é um enorme erro por parte do cantor Chris Brown. Este macaco precisa viver com outro macacos”, disse ele.

O macaco comprado por Brown é da espécie macaco-prego-de-cara-branca, que são tipicamente encontrados na América Central e do Sul.

De acordo com Phillips, eles são animais extremamente sociais, e, por isto, isolar um filhote de sua família é extremamente angustiante para eles.

Os macacos-prego-de-cara-branca geralmente são capturados na natureza e vendidos por traficantes, mas Phillips acha mais provável que Brown tenha comprado o macaco de um criador nos EUA.

Infelizmente, criar e vender animais selvagens como estes macacos é legal no país.

O fato do cantor ter divulgado a compra do animal também é muito prejudicial, pois pode encorajar outras pessoas a criarem animais selvagens em casa, de acordo com Phillips.

“É lamentável que uma celebridade compre um animal selvagem. Quando as celebridades publicam imagens de animais selvagens que elas criam como se fossem domésticos, elas apenas glamorizam uma atitude que não tem lugar na sociedade moderna,” disse Prashant Khetan, diretor executivo da Born Free USA.

Ativistas esperam que Chris Brown entenda a crueldade que foi infligida a este animal quando ele foi retirado da natureza e que ele aceite levar o macaco para um santuário.



NOTÍCIAS RELACIONADAS

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário