Fala aí: “A reforma da Previdência vai ser aprovada?”

Fala aí: “A reforma da Previdência vai ser aprovada?”

Congresso

Advogado e pesquisador responde à pergunta de ouvinte

Rafael Tatemoto |
Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, marcou data para votação da proposta
Lula Marques/AGPT

Um dos principais tópicos da agenda do governo de Michel Temer (PMDB), a chamada reforma da Previdência continua sendo uma preocupação da população brasileira. Em 2017, o Planalto foi incapaz de aprovar a medida. 

Com o início de mais um ano legislativo, a ouvinte pergunta quais as chances das alterações nas regras da aposentadoria ocorrerem.

“Meu nome é Sofia, tenho 32 anos e moro em Brasília.  Eu queria saber em que pé anda a reforma da Previdência aqui no Congresso, se já foi votada, se vai ser e qual a expectativa”.

Paulo Yamamoto, advogado e mestre em Direito Trabalhista e Previdenciário, responde ao questionamento.  

“Oi, Sofia. Aqui quem fala é Paulo Yamamoto, advogado da Advocacia Garcez e mestre em Direito do Trabalho e da Seguridade Social pela USP. A gente tem acompanhado essa discussão da Reforma da Previdência desde o ano passado e a Câmara já tem data para votar: o dia 19 de fevereiro deste ano.

Não é a primeira vez que marcam, já tentaram votar várias vezes essa matéria, mas o presidente ilegítimo Michel Temer não tem conseguido apoio suficiente para aprovar. Segundo os cálculos feitos pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, o Diap, nesse momento o governo não tem os votos necessário. Então, há chance de ser adiada de novo. Há toda uma pressão do mercado para aprovar logo e, por isso, o governo tem se empenhado em busca de apoio. Por isso é preciso que as entidades sindicais e os movimentos sociais mantenham sua mobilização para que a reforma não seja votada.” 

18 de Janeiro de 201810:49

Via Brasil de Fato

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário