Patrulhamento nas rodovias é executado pelo Comando Rodoviário da BM

Patrulhamento nas rodovias é executado pelo Comando Rodoviário da BM

Entre as atividades executadas pelo Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), em sua missão de garantir a segurança das rodovias estatuais, está a escolta – serviço desenvolvido pelos batedores motociclistas do CRBM.
Para integrar esse grupo, após indicações feitas pelos órgãos de Segurança, os batedores frequentam um curso com mais de 300 horas-aulas, em cerca de 35 dias de instruções. A formação, uma inciativa da Brigada Militar (BM), fica a cargo dos próprios policiais do CRBM que têm o brevê de batedor motociclista, uma vez que as aulas teóricas e práticas são ministradas por esses militares.
Os batedores patrulham as rodovias e atuam nas operações Golfinho e Avante. / Éverton Ubal/PM5
Já participaram do curso, que teve sua sexta edição em 2017, integrantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), da Polícia Militar de Santa Catarina, da Polícia de Misiones (Argentina), guardas municipais e a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC). A procura de outras organizações representa muito, quando se considera a integração entre as instituições de Segurança, com ganhos significativos para a população.
Os batedores motociclistas fazem o patrulhamento nas rodovias estaduais. Durante a Operação Golfinho, trabalham no Litoral. Ainda atuam na Operação Avante, trabalho realizado pela BM o ano todo. Além do policiamento nas estradas, os policiais militares do CRBM realizam escoltas de dignitários, autoridades e personalidades, buscando garantir a segurança no tráfego para todas as pessoas.
Texto: Daniela Alvienes/Ascom EMBMEdição: Sílvia Lago/Secom

Hits: 0

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário