Segurados do INSS têm até 28 de fevereiro para realizar prova de vida

Segurados do INSS têm até 28 de fevereiro para realizar prova de vida

Serviço

Na Amazônia, cerca de 240 mil pessoas ainda não fizeram procedimento e podem perder aposentadoria

Renata Martins |
Temer, que aposentou com 55 anos de vida e recebe mais de R$ 30 mil, teve aposentadoria suspensa por não ter feito a comprovação de vida
PT

Em todo o país, trinta e dois milhões já fizeram o procedimento. Para fazê-lo, o segurado deve ir à agência bancária onde recebe o benefício. Lá apresenta um documento de identificação com foto, pode ser carteira de identidade, de trabalho ou habilitação e pronto: a comprovação de vida está feita. Não há necessidade de ir até uma Agência da Previdência Social.

Em todo país, três milhões de pessoas correm o risco de ter a aposentadoria suspensa por ainda não terem feito a comprovação de vida. No fim do ano passado, isso aconteceu até mesmo com o presidente golpista Michel Temer, que é servidor aposentado do estado de São Paulo. E é na região sudeste onde está metade dos segurados que ainda não realizaram o procedimento.

Entre os beneficiários da região norte, mais de 59 mil paraenses e 20 mil amazonenses encabeçam a lista dos que podem ter o pagamento da aposentadoria interrompido. No Maranhão esse número passa dos 95 mil. O procedimento é obrigatório e segundo o INSS, evita pagamentos indevidos de benefícios e fraudes.

Se o aposentado não puder ir até a agência bancária por motivo de doença ou por problemas de locomoção, o procedimento poderá ser realizado por procurador devidamente cadastrado no INSS ou representante legal.

Lembrando que estamos no carnaval, os bancos estão fechados e reabrem a partir do meio-dia de quarta-feira. Quem tiver dúvidas pode ligar para 135. A central de Teleatendimento do INSS vai funcionar em horário normal durante todos os dias da folia, das oito da manhã às 11 da noite, horário de Brasília.

13 de Fevereiro de 201812:19

Via Brasil de Fato

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado


*


%d blogueiros gostam disto: