Chove em 51 municípios do Ceará, mas áreas de grandes açudes continuam críticas

Chove em 51 municípios do Ceará, mas áreas de grandes açudes continuam críticas

Açude Banabuiú, terceiro maior do Ceará, tem 0,4% do volume de água. (Foto: Jéssica Welma/Tribuna do Ceará)

Açude Banabuiú, terceiro maior do Ceará, tem 0,4% do volume de água. (Foto: Jéssica Welma/Tribuna do Ceará)

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registra chuva em 51 municípios do Ceará neste domingo (25). Na Região Norte, as cidades de Barroquinha (113 mm), Camocim (100 mm) e Granja (96 mm) têm os maiores volumes. Ainda assim, nas áreas de Banabuiú, Orós e Jaguaribara, onde ficam os três maiores açudes, há pouca ou nenhuma chuva.

A previsão do tempo para este domingo, segundo a Funceme, é de nebulosidade variável com períodos de chuva em todo o Estado. Nos próximos dois dias, a chuva e a nebulosidade devem permanecer.

> Leia mais: especial Mares Secos sobre os três maiores açudes do Ceará

Em Fortaleza, choveu 12.8 mm entre as 7 horas do sábado (24) e as 7 horas deste domingo. A maior chuva no entorno foi em Itaitinga, na Região Metropolitana, com 67 mm, a quarta maior do Ceará.

Açudes

Em fevereiro, primeiro mês da quadra chuvosa, o balanço parcial da Funceme indica chuvas acima da média. No entanto, a área onde se encontram os três maiores açudes do Ceará não recebeu aporte considerável.

Nas últimas 24 horas, não houve chuva em Banabuiú e Orós. Em Jaguaribara, onde está a barragem do Castanhão, choveu apenas 4,2 mm. Municípios no entorno do maior açude do Ceará, como Jaguaribe, registrou 19,2 mm.

Na sexta-feira (23), o Castanhão registrou o primeiro aumento no volume de água, desde o final da quadra chuvosa de 2017, entre abril e maio do ano passado. O volume de 2,08 subiu para 2,10, segundo a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh), um aumento simplório diante da falta d’água.

Até agora, somente três açudes atingiram a capacidade máxima de água: Cocó (Fortaleza), Germinal (Pacoti) e Caldeirões (Saboeiro). Outros três reservatórios passam dos 90% de água: Acaraú Mirim, Tucunduba e Itaúna, todos na Região Norte.

Jéssica Welma25 25America/Sao_Paulo Fevereiro 25America/Sao_Paulo 201809:31

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Hits: 0

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário