Programa Audiovisual Gera Futuro abre inscrições para oito editais

Programa Audiovisual Gera Futuro abre inscrições para oito editais

Começam hoje (26) as inscrições para oito editais do Programa Audiovisual Gera Futuro. Cinco editais são voltados inteiramente à produção de conteúdo independente: longas de animação, curtas e séries com narrativas para infância e duas linhas de documentário – uma sobre questões afro-brasileiras e indígenas e outra sobre infância e juventude.

Também estão disponíveis para inscrição editais voltados à produção de jogos eletrônicos e de narrativas transmídia (games e curtas ou minissérie) para a infância.

Outros dois editais, voltados para o desenvolvimento de projetos em comemoração aos 200 anos da independência do Brasil e ao desenvolvimento de obras audiovisuais para a infância, devem abrir inscrições na próxima quarta-feira (28).

A previsão da pasta é que, até o fim da semana, seja lançado o 11º edital do programa, voltado ao apoio a festivais, mostras e eventos de mercado do setor audiovisual.

Segundo o ministério, os editais têm cotas específicas (com percentuais distintos) para novos diretores, diretores de regiões fora do eixo Rio e São Paulo, negros, indígenas e mulheres. Esta é a primeira vez que esse tipo de edital insere transexuais e travestis no conceito mulheres.

“Além de representar um marco na inclusão social, os editais devem contribuir para o fortalecimento da cadeira produtiva do setor audiovisual”, informou.

As inscrições se encerram entre os dias 13 e 27 de abril e podem ser feitas por meio do link. Para participar, as produtoras precisam ter registro regular e estarem classificadas como produtoras independentes na Agência Nacional do Cinema.

Os editais exigem que os projetos sejam acompanhados de teasers – pequeno vídeo de divulgação.

O programa 

O programa Audiovisual Gera Futuro, lançado no último dia 7 de fevereiro, vai disponibilizar R$ 80 milhões para cerca de 250 projetos, voltados ao desenvolvimento, produção e difusão.

Em todos os editais, serão utilizados indutores para promover a inclusão e reduzir as desigualdades no setor audiovisual.

Começam hoje (26) as inscrições para oito editais do Programa Audiovisual Gera Futuro. Cinco editais são voltados inteiramente à produção de conteúdo independente: longas de animação, curtas e séries com narrativas para infância e duas linhas de documentário – uma sobre questões afro-brasileiras e indígenas e outra sobre infância e juventude.

Também estão disponíveis para inscrição editais voltados à produção de jogos eletrônicos e de narrativas transmídia (games e curtas ou minissérie) para a infância.

Outros dois editais, voltados para o desenvolvimento de projetos em comemoração aos 200 anos da independência do Brasil e ao desenvolvimento de obras audiovisuais para a infância, devem abrir inscrições na próxima quarta-feira (28).

A previsão da pasta é que, até o fim da semana, seja lançado o 11º edital do programa, voltado ao apoio a festivais, mostras e eventos de mercado do setor audiovisual.

Segundo o ministério, os editais têm cotas específicas (com percentuais distintos) para novos diretores, diretores de regiões fora do eixo Rio e São Paulo, negros, indígenas e mulheres. Esta é a primeira vez que esse tipo de edital insere transexuais e travestis no conceito mulheres.

“Além de representar um marco na inclusão social, os editais devem contribuir para o fortalecimento da cadeira produtiva do setor audiovisual”, informou.

As inscrições se encerram entre os dias 13 e 27 de abril e podem ser feitas por meio do link. Para participar, as produtoras precisam ter registro regular e estarem classificadas como produtoras independentes na Agência Nacional do Cinema.

Os editais exigem que os projetos sejam acompanhados de teasers – pequeno vídeo de divulgação.

O programa 

O programa Audiovisual Gera Futuro, lançado no último dia 7 de fevereiro, vai disponibilizar R$ 80 milhões para cerca de 250 projetos, voltados ao desenvolvimento, produção e difusão.

Em todos os editais, serão utilizados indutores para promover a inclusão e reduzir as desigualdades no setor audiovisual.

http://agenciabrasil.ebc.com.br/educacao/noticia/2018-02/programa-audiovisual-gera-futuro-abre-inscricoes-para-oito-editaisVIA EBC ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*