Maia lança na Câmara Observatório da Intervenção na segurança pública do Rio

Maia lança na Câmara Observatório da Intervenção na segurança pública do Rio

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), lançou hoje (28), no Congresso, o Observatório Legislativo da Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro. O deputado já havia lançado o observatório no Rio de Janeiro e hoje na Câmara oficializou a criação do órgão com o lançamento do portal que trará informações sobre o trabalho de fiscalização da intervenção federal.

“Essa sendo a primeira intervenção da Constituição de 88, acho que o papel da Câmara é exatamente de fiscalizar, propor, esse é o objetivo do nosso Observatório. Que ele possa acompanhar o planejamento que foi apresentado, que a gente possa trabalhar em todas as áreas”, disse Maia.

O projeto vai funcionar até 31 de janeiro de 2019. Neste período, deve monitorar dados e informações referentes à segurança pública no Rio de Janeiro. O observatório também deverá estimular a elaboração de propostas para os problemas diagnosticados, incentivar institutos de pesquisa e universidades a produzirem estudos e avaliações da situação de violência.

Antes do lançamento, o presidente da Câmara recebeu o ministro Raul Jungmann, que assumiu ontem (28) o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. Maia não participou da cerimônia de posse no Palácio do Planalto.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), lançou hoje (28), no Congresso, o Observatório Legislativo da Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro. O deputado já havia lançado o observatório no Rio de Janeiro e hoje na Câmara oficializou a criação do órgão com o lançamento do portal que trará informações sobre o trabalho de fiscalização da intervenção federal.

“Essa sendo a primeira intervenção da Constituição de 88, acho que o papel da Câmara é exatamente de fiscalizar, propor, esse é o objetivo do nosso Observatório. Que ele possa acompanhar o planejamento que foi apresentado, que a gente possa trabalhar em todas as áreas”, disse Maia.

O projeto vai funcionar até 31 de janeiro de 2019. Neste período, deve monitorar dados e informações referentes à segurança pública no Rio de Janeiro. O observatório também deverá estimular a elaboração de propostas para os problemas diagnosticados, incentivar institutos de pesquisa e universidades a produzirem estudos e avaliações da situação de violência.

Antes do lançamento, o presidente da Câmara recebeu o ministro Raul Jungmann, que assumiu ontem (28) o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. Maia não participou da cerimônia de posse no Palácio do Planalto.

http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2018-02/maia-lanca-na-camara-observatorio-da-intervencao-na-seguranca-publica-doVIA EBC ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será divulgado


*


%d blogueiros gostam disto: