Lira turca cai 20% após tarifas sobre aço e alumínio de Trump

Lira turca cai 20% após tarifas sobre aço e alumínio de Trump

GUERRA COMERCIAL

Presidente dos EUA anunciou tarifas de 50% e 20% sobre aço e alumínio turco

Redação* |
Relação entre os países está estremecida por conta de prisão de pastor estadunidense na Turquia.
Ben Cooper via Flickr/Creative Commons

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta sexta-feira (10) um aumento das tarifas sobre aço (50%) e alumínio (20%) da Turquia, que em 2017 exportou 1,04 bilhão de doláres em aço e 60 bilhões em alumínio para os EUA, de acordo com o jornal turco Hurriyet. A medida fez com que a lira turca desvalorizasse 20% em um dia.

A queda, a maior desde a crise econômica de 2001, fez com que o presidente turco, Recep Tayip Erdogan, pedisse que a população “troque os dólares e o ouro debaixo dos colchões (por lira turca)” para conter a desvalorização. 

O mandatário disse também que não cederá ao “bullying” dos EUA, enquanto Ruhsar Pekcan, ministro do Comércio da Turquia, pediu que os EUA se sentem à mesa de negociações.

Pelo Twitter, Trump anunciou que as relações com a Turquia “não são boas nesse momento”. Desde a prisão em 2016 do pastor americano Andrew Brunson, que organizava uma igreja protestante na Turquia, as relações estão estremecidas. O governo turco acusa o pastor de “espionagem” e de ter ligações com Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), considerado uma “organização terrorista” por Erdogan.

Enquanto os EUA demandam a liberdade de Brunson, a Turquia pede 20 anos de prisão para o pastor. Além disso, o religioso Fethullah Güllen, exilado nos EUA desde 1999, é apontado como mentor da tentativa de golpe frustrada de 2016.

*Com informações da Deutsche Welle (DW)

12 de agosto de 201814:15

Via Brasil de Fato

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Hits: 5

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário