Áudio de amigo relata morte de adolescente baleado após roubar cone em Fortaleza

Áudio de amigo relata morte de adolescente baleado após roubar cone em Fortaleza

Lukas Gomes foi atingido ao entrar no carro de um amigo. (Foto: Reprodução/Facebook)

Lukas Gomes, jovem de 22 anos, foi morto com um tiro na cabeça na Avenida 13 de Maio, em Fortaleza, na madrugada de quinta-feira (9) para sexta (10). O rapaz teria roubado um cone de um estabelecimento nas proximidades e, ao entrar no carro, onde estavam mais dois amigos, foi atingido. Uma das hipóteses é de que o rapaz estaria alcoolizado e teria sido confundido com um bandido.

Em áudio recebido pelo programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, via WhatsApp, o suposto condutor do veículo relata a situação. A Divisão de Homicídios investiga o caso.

“Na hora que parou o carro, ele saiu e foi em direção ao McDonalds. Ele começou a mexer num cone que tinha lá na entrada, tipo frescando. Aí eu disse, vem pra cá! Não mexe nisso não. Vamos embora! Ele ficou mexendo e não me escutou. Aí ele agarrou o cone e saiu correndo no meio da rua. Aí abri a porta e disse pra ele jogar o cone no chão e entrar no carro. Sendo que ele não desistiu, ficou querendo levar o cone frescando. Bêbado, né?”, relatou o homem que seria o condutor do veículo.

Os jovens teriam parado no estabelecimento para lanchar. No entanto, ele estaria fechado. Ainda no áudio, o suposto condutor detalha o momento em que percebeu que algo mais grave havia ocorrido.

“Na hora que ele entrou no carro, fechou a porta, só escutei o papoco. Foi muito alto. Quando olhei para trás, os vidros do carro estavam estilhaçados. Só que eu não tinha visto ele. Aí saí do carro com medo de ter mais tiro. Comecei a contar as coisas pra ele, aí eu esperando ele falar alguma coisa, não falou nada. Quando olhei pra trás, vi ele de cabeça baixa. Aí chamei: ei, levanta, levanta! Ele não levantou. Quando puxei o braço dele, deu pra ver o carro todo sujo. Aí pronto: pegou nele, pegou nele. Levei pro IJF”, relata.

Ao perceber que Lukas não respondia e estava sangrando, o rapaz afirma que levou o amigo imediatamente para o Instituto Dr. José Frota (IJF). O jovem foi levado para reanimação, mas não resistiu ao tiro na cabeça. Depois de contatar a família do jovem, o amigo conta que levou o carro para ser periciado na Polícia e prestou depoimento. Na perícia, teria sido constatado que os tiros partiram de fora do carro.

“Deixei o carro para fazer a perícia, colheram o depoimento e viram que o disparo foi feito de fora do carro. Uma galera que estava lá disse que foi o segurança do Paladar. Parece que foram dois tiros: um ele errou e outro ele acertou no vidro do carro. O delegado também acha. Pediram filmagens. Ele mirou para matar alguém. Acharam que era ladrão. Se não pega nele, tinha pego em mim. O cara nao pode fazer isso. É totalmente descabido. Foi um negócio horrível. Tô sem acreditar ainda”.

O Tribuna do Ceará aguarda da Secretaria de Segurança Pública sobre as investigações ao caso.

Confira a reportagem no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h10 desta segunda-feira (13).

TV Jangadeiro13 de agosto de 201811:15Publicado primeiro em TRIBUNA DO CEARÁ

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Hits: 37

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário