DUAS MIL FAMÍLIAS SEM-TERRA PODEM SER DESPEJADAS ATÉ O FIM DO ANO NO PARÁ