Ibope dá início a divulgação diária de pesquisas até as eleições

BRASIL

Ibope dá início a divulgação diária de pesquisas até as eleições

A 6 dias do voto

Primeiro levantamento da reta final das eleições aponta Bolsonaro com 31% das intenções de voto, contra 21% de Haddad

Redação |
Candidatos participam de debate eleitoral na TV Record
Foto: Cláudio Kbene

O Ibope divulgou, nesta segunda-feira (1º), o resultado de sua mais recente pesquisa de intenção de votos para as eleições gerais deste ano, dando início a uma semana de divulgação diária de levantamentos, já registrados junto à Justiça Eleitoral.

Segundo o levantamento, o candidato de extrema-direita Jair Bolsonaro (PSL) consolidou a liderança do primeiro turno da disputa, com 31% das intenções de voto entre os entrevistados –crescimento de quatro pontos percentuais em relação à última pesquisa divulgada pelo instituto, em 26 de setembro. Fernando Haddad (PT), mais provável adversário do militar da reserva no segundo turno, pontuou 21% na pesquisa, mesmo resultado do último levantamento.

Em seguida, vêm Ciro Gomes (PDT), com 11% das intenções de voto; Geraldo Alckmin (PSDB), com 8%; Marina Silva (Rede), com 4%; João Amoêdo (Novo), com 3%; Alvaro Dias (Podemos), com 2%; Henrique Meirelles (MDB), com 2% e Cabo Daciolo (Patriota), com 1%. Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU), Eymael (DC) e João Goulart Filho (PPL) não pontuaram. Votos “Branco/nulos” somam 12%.

A margem de erro da pesquisa, realizada entre sábado (29) e domingo (30), é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Rejeição

O Instituto também questionou em quais candidatos os eleitores não votariam. Nesse quesito, os entrevistados puderam apontar mais de um candidato, e, por isso, os resultados somam mais que 100%. O candidato do PSL lidera o índice de rejeição: 44% das pessoas ouvidas não votariam em Bolsonaro em nenhuma hipótese.

Em seguida, vêm Haddad, com 38%; Marina, com 25%; Alckmin, com 19%; Ciro, com 18%; Meirelles, com 10%; Cabo Daciolo, com 10%; Eymael, com 10%; Boulos, com 10%; Vera, com 9%; Alvaro Dias, com 9%; Amoêdo, com 8%; e João Goulart Filho, com 7%.

Simulações de segundo turno

Bolsonaro também cresceu na preferência dos eleitores para o segundo turno e alcançou Haddad. Os candidatos figuram ambos com 42% das intenções de voto nesse cenário.

O militar da reserva, porém, seria derrotado por Ciro Gomes (45% x 39%), e Alckmin (42% x 39%). De acordo com o levantamento, Bolsonaro sairia vitorioso de um embate direto contra Marina (43% x 38%).

2 de outubro de 201808:34

Via Brasil de Fato

Hits: 13

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *