Polícia do Rio prende traficante internacional de fuzis

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia do Rio prende traficante internacional de fuzis

O traficante internacional de armas Felipe Jorge da Silva Freitas foi preso na tarde de hoje (26) em Pedra de Guaratiba, zona oeste do Rio, por policiais da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme). A ação contou com apoio de policiais da Força Nacional que atuam na especializada.

De acordo com a Polícia Civil, o criminoso havia sido preso em 2010, em Corumbá, Mato Grosso do Sul, em companhia de Sebastião Braz da Fonseca Neto. Na ocasião, a dupla transportava sete fuzis Bushmaster, modelo M-15, fabricado nos Estados Unidos.

As investigações revelaram que os fuzis teriam sido adquiridos na Bolívia e seriam entregues a traficantes de drogas do Morro do Martins, em Niterói, na região metropolitana do Rio. Pelo transporte, o grupo receberia R$ 20 mil.

Contra Felipe havia um mandado de prisão em aberto da Justiça Federal por tráfico internacional de armas de fogo. Seu comparsa, Sebastião Braz da Fonseca Neto, que também tinha mandado de prisão por tráfico internacional de armas, foi preso há cerca de um ano por agentes da Desarme.

De acordo com o titular da Desarme, Fabrício Oliveira, a prisão somente foi possível devido à intensa troca de informações de inteligência com outros órgãos de segurança e principalmente à parceria com a Polícia Rodoviária Federal, responsável pela prisão dos traficantes e pela apreensão dos fuzis, em 2010, em Mato Grosso do Sul.

O traficante internacional de armas Felipe Jorge da Silva Freitas foi preso na tarde de hoje (26) em Pedra de Guaratiba, zona oeste do Rio, por policiais da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme). A ação contou com apoio de policiais da Força Nacional que atuam na especializada.

De acordo com a Polícia Civil, o criminoso havia sido preso em 2010, em Corumbá, Mato Grosso do Sul, em companhia de Sebastião Braz da Fonseca Neto. Na ocasião, a dupla transportava sete fuzis Bushmaster, modelo M-15, fabricado nos Estados Unidos.

As investigações revelaram que os fuzis teriam sido adquiridos na Bolívia e seriam entregues a traficantes de drogas do Morro do Martins, em Niterói, na região metropolitana do Rio. Pelo transporte, o grupo receberia R$ 20 mil.

Contra Felipe havia um mandado de prisão em aberto da Justiça Federal por tráfico internacional de armas de fogo. Seu comparsa, Sebastião Braz da Fonseca Neto, que também tinha mandado de prisão por tráfico internacional de armas, foi preso há cerca de um ano por agentes da Desarme.

De acordo com o titular da Desarme, Fabrício Oliveira, a prisão somente foi possível devido à intensa troca de informações de inteligência com outros órgãos de segurança e principalmente à parceria com a Polícia Rodoviária Federal, responsável pela prisão dos traficantes e pela apreensão dos fuzis, em 2010, em Mato Grosso do Sul.

Douglas Corrêa – Repórter da Agência Brasilhttp://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2018-06/policia-do-rio-prende-traficante-internacional-de-fuzisVIA EBC ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Hits: 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *